Feacoop 2018:

A Valtra, referência global em fabricação de máquinas agrícolas, levará à Feacoop 2018 três séries de tratores inéditas, com foco no setor sucroalcooleiro e no mercado de pequeno e médio produtor. O evento será realizado em Bebedouro (SP), de 30 de julho a 2 de agosto. O principal lançamento é o da Linha BH HiTech, evolução da consagrada Linha BH Geração 4, que agora passa a oferecer transmissão com troca de marcha automática.
“A Linha BH é reconhecida no mercado pela liderança no segmento, com alto rendimento na melhor relação peso/potência da categoria. Em 2017 lançamos a Geração 4 dessa família, com sete opções de motorização. Agora, na nova Linha BH HiTech a grande novidade é a transmissão HiTech3 (HiTech “three”) PowerShift com troca automática dentro dos grupos, com 18 velocidades para frente e 18 para trás”, afirma Winston Quintas, supervisor de marketing de tratores da Valtra.
A transmissão Powershift pode ser operada manualmente com trocas de velocidade por botões ou por um dos dois modos de programação automáticas, que alteram a velocidade automaticamente conforme a rotação predefinida. “A transmissão HiTech3 se destaca em operações que exigem mudanças de marcha, mantendo a alta produtividade no campo e com a simplicidade que é característica de toda a Linha BH e BH HiTech”, completa Quintas.  
 
Outra novidade é o reversor eletro-hidráulico Power Shuttle, que permite que as direções de condução sejam alteradas usando uma alavanca, sem necessidade de acionamento da embreagem. A transição é feita sempre de forma suave, rápida e com proteção, onde somente abaixo de 2 km/h o sistema reverte o sentido da máquina. 
A Linha BH HiTech é composta pelos modelos BH144 (145 cv), BH154 (159 cv) e BH184 (180 cv) com motores de 4 cilindros e os modelos BH174 (179 cv) e BH194 (195 cv) com motores de 6 cilindros.
Os modelos da Linha contam ainda com o recurso do N Auto que desacopla o powershift todas as vezes que o pedal do freio é acionado, ou caso a rotação do motor fique menor que 1200 rpm, acoplando novamente acima de 1200 rpm ou que o operador tire o pé do freio. Função excelente para acompanhar a colhedora de cana.
Família A4
A Valtra também leva ao público da Feacoop 2018 cinco novos modelos da família A Geração 4: três para a Séria A4s, lançamento da marca, e mais dois que se somam à Série A4, apresentada no ano passado. Os modelos da Série A4s variam entre 75 e 95 cv, e possuem chassi reduzido, ideal para pequenas e médias propriedades ou operações que demandam potências menores. Já os modelos A94 e A104, da Série A4, são indicados para a média potência, oferecendo 95 cv e 105 cv, respectivamente.
Disponíveis nas versões cabinado e plataformado, os tratores da Família possuem resistente transmissão mecânica 12+12 ou 24+24 com o Super Redutor com o melhor escalonamento de marchas, conforme modelo, e reversor eletro-hidráulico PowerShuttle, o que proporciona ganhos de agilidade durante as manobras, além de ajuste de arrancada conforme o tipo de operação.
“A Valtra ampliou a Família A4 com esses cinco novos modelos para levar ao produtor rural a opção ideal para cada tipo de propriedade. O foco da nossa marca é oferecer versatilidade, eficiência e robustez, com um portfólio completo e tecnológico, que se destaca por sua qualidade reconhecida no mercado”, afirma Rodrigo Junqueira, diretor de vendas da Valtra.
 

Família A Geração 4

Série

Modelos

Cap. Levante(kgf)

Distância entre eixos (mm)

Vazão(l/min)

Transmissão

Reversão

Série A4s

A74S (75 cv)

3.000

2.250

65

12+12 ou 24+24 (Super Redutor)

PowerShuttle ou MechShuttle

A84S (85 cv)

A94S (95 cv)

Série A4

A94 (95 cv)

4.300

2.430

57 ou 98

A104 (105 cv)

A114 (115 cv)

4.950

2.500

A124 (125 cv)

A134 (135 cv)

Série A4 HiTech

A114 HiTech (115 cv)

4.950

2.662

98 ou 105

HiTech4 16+16 PowerShift

PowerShuttle

A124 HiTech (125 cv)

A 134 HiTech (135 cv)

 
A família A4 oferece o sistema HiShift, que permite ao operador a troca de marcha pelo simples acionamento de um botão na alavanca de câmbio, sem a necessidade de usar o pedal da embreagem, proporcionando maior suavidade no acoplamento e facilidade na operação. Outra novidade que traz maior versatilidade às máquinas é o redutor Super Creeper, que possibilita operações em velocidade mínima de 0,15 km/h.
A melhor ergonomia da classe, aliada a um baixo nível de ruído (75 dB), garante que a Família A4 ofereça uma experiência confortável em quaisquer situações. A estrutura da cabine é estreita na parte da frente para facilitar a direção em áreas de galpões e excelente visibilidade nas operações. Como opcionais, o produtor pode optar por duas vazões hidráulica, 57 ou 98 l/min, além de várias opções de configuração das válvulas de controle remoto. A Série A4 foi eleita Máquina do Ano por comissão de jornalistas independentes no Sima Show 2017, feira agrícola realizada em Paris (França) e apontada como a maior do mundo.
Além do diferencial com a transmissão automática HiTech4, os modelos A4 HiTech estão preparados para receber as facilidades do Fuse Technologies, como o piloto-automático Auto-Guide® 3000 e controle de telemetria por meio do AgCommand™.