Workshop promovido pela SIAMIG/GAIA amplia o conhecimento e esclarece dúvidas das legislações ambientais de Minas Gerais.

 

 

 

 

Mais de quarenta gestores de meio ambiente das usinas Associadas da SIAMIG participaram nos dias 11 e 12, em Belo Horizonte, do I Workshop GAIA/SIAMIG de Meio Ambiente e Sustentabilidade, a fim de ampliar o conhecimento e debater as legislações ambientais implementadas pelo governo estadual, principalmente, de 2019 e 2020.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

De acordo com o gerente Ambiental da SIAMIG, Jadir Oliveira, foi uma oportunidade para que as usinas entendessem melhor as várias legislações que norteiam a política de meio ambiente estadual, como o Sinaflor (IEF) e o Plano de Educação Ambiental (PEA), e sua aplicabilidade na prática.  Ele destacou que a maior dúvida surgida foi quanto ao PEA, pois a atual legislação traz um custo elevado para as empresas e precisa ser melhor adaptado às características do setor sucroenergético.  

 

 

 

 

Jadir Oliveira(SIAMIG) entre Bruce e Gulherme(Gaia)

 

 

 

 

O diretor da Gaia, Guilherme Barreto, destacou o alto nível das palestras e dos debates, sendo que os colaboradores das usinas puderam tirar muitas dúvidas com os próprios gestores das áreas ambientais do governo. Segundo ele, um documento será elaborado sobre os principais pontos discutidos e ainda de dúvidas em relação às legislações, que poderão servir de base para uma nova discussão com os órgãos ambientais do estado.

 

 

 

 

Os gestores das usinas consideraram o evento de altíssimo nível e querem que ele seja realizado anualmente, a fim de que possam se inteirar das constantes mudanças que ocorrem, e em grande número, nas legislações ambientais do estado. Abaixo o depoimento de alguns participantes do workshop:

 

 

Decriê Polastrinie – Coordenador Ambiental da Usina Santo Ângelo (USA)

“Achei o seminário muito válido e importante e espero que no ano que vem ele possa se repetir, pois as mudanças nas legislações ambientais do estado são muto grandes. Deste seminário, eu destacaria a palestra sobre o Sinaflor, que é o Sistema Nacional de Controle da Origem dos Produtos Florestais, uma plataforma muito nova e que precisávamos entender melhor. Além do debate ocorrido sobre o PEA, que trouxe muitos esclarecimentos, mas é polêmico quanto a sua aplicabilidade. É importante sempre que a legislação alterar fazermos também essa reciclagem”.

 

 

 

 

Aristoclides Costa – Coordenador Ambiental da Usina Coruripe

Gostei muito do seminário e espero que não seja o primeiro, pois a reciclagem na área ambiental é muito importante, por ser tão complexa e com muitas mudanças. Nesses dois dias, tivemos a oportunidade de atualizar sobre a legislação, outorga, procedimentos, PEA, que é uma legislação que traz muito impacto financeiro ao setor, com a necessidade de uma reavaliação. O Sinaflor é outra ferramenta com pouco tempo de uso e traz melhorias, com a simplificação do trabalho do empreendedor. É importante que a usinas enviem sempre seus colaboradores para participar desses eventos”.

 

 

 

 

Patrícia Melo – Gestora Ambiental da WD Agroindustrial

“Foi muito importante esse seminário, porque as usinas têm particularidades ambientais, e é fundamental unir as partes para ampliar o conhecimento sobre as várias legislações e um momento de tirar as dúvidas. O debate foi muito esclarecedor quanto as novas legislações em relação a 2020 e dúvidas foram esclarecidas quanto as condicionantes. Voltamos para as usinas mais seguros na aplicação das legislações e como proceder no âmbito legal, assimilando a legislação com a prática”.

 

 

Fonte: SIAMIG