Sustentabilidade:

A Low Carbon Business Action in Brazil (LCBA) convidou 44 empresas do Brasil e da União Europeia (UE) para a sua sexta missão de matchmaking de negócios no país.  O programa incluirá rodadas B2B (business to business) no setor de agricultura de baixo carbono e visitas à exposição Agrishow, em Ribeirão Preto, entre os dias 1º e 4 de maio, a maior feira de tecnologia agrícola da América Latina.
 
A missão promove a formalização de Acordos de Cooperação e Parceria entre as pequenas e médias empresas (PMEs) nacionais e estrangeiras durante as rodadas de negócios. Estes encontros  permitem a troca de conhecimento sobre tecnologias, processos, soluções e  produtos inovadores que possam ser adotados por empresas brasileiras, principalmente, gerando impactos positivos de produtividade, desenvolvimento econômico e ambiental.
 
Segundo o relatório Perspectivas para a Agropecuária – Safra 2016/2017, da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o agronegócio responde por 46% de todas as exportações brasileiras. Por ser um segmento importante da economia nacional, mas com elevados índices de emissões de gases de efeito estufa, as tecnologias para aprimorar processos produtivos e a sustentabilidade ambiental nesta atividade estão com alta demanda.  Entre as soluções inovadoras que serão apresentadas na missão no Brasil, há técnicas de recuperação de pastagens degradadas e solos, de integração lavoura-floresta, melhorias para nutrição animal e vegetal, sistemas d e monitoramento por satélite com o uso de drones, de geo-processamento e de racionalização do uso de recursos e insumos agrícolas a partir de softwares, entre outras. Com esta missão empresarial, a União Europeia quer intensificar ainda mais os projetos sustentáveis do setor.
 
A replicação das tecnologias de baixo carbono no Brasil a partir de joint-ventures, projetos de cooperação e representações comerciais, entre outras modalidades de negócios previstas para a missão da Low Carbon Business Action in Brazil, contará com a Assistência Técnica da UE em uma segunda fase da Ação, a partir de setembro de 2017.
 
Ainda no decorrer deste ano, a  Ação da União Europeia terá outras três missões nos setores Indústria (eficiência energética),  Energias Renováveis (solar, fotovoltaica, biogás, eólica e biomassa), Gestão de Resíduos Sólidos e Agricultura.
 
A Low Carbon Business Action in Brazil foi iniciada em setembro de 2016 e já realizou cinco missões empresariais nas áreas de eficiência energética em edificações, biogás e bio-metano, gestão de resíduos sólidos e energias renováveis. A Ação reuniu um total de 202 PMEs, 125 do Brasil e 77 dos 28 estados membros da UE. Nestes encontros, foram firmados 366 acordos de cooperação entre os participantes.
 
A LCBA possui um Comitê Diretivo composto por entidades nacionais, públicas e privadas, tais como Sebrae, CNA, CNI, Febraban, Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio e Ministério do Meio Ambiente, e pelas Diretorias Gerais da Comissão Europeia – DG Growth e DG Clima.  Para participar das missões empresariais, com custos financiados pela União Europeia, as empresas podem se inscrever no websitehttp://www.lowcarbonbrazil.com/.