Rotação:

O plantio de amendoim é uma excelente opção de rotação de culturas com a cana de açúcar, inclusive contribuindo para o aumento da produtividade dos canaviais, durante os intervalos de reforma. “Essa rotação tem proporcionado ganhos econômicos importantes aos agricultores do Estado de São Paulo, porque contribui para a boa manutenção da terra, equilibrando os nutrientes, como  o nitrogênio, essencial para o desenvolvimento da cana”, explica Antonio Coutinho, diretor de marketing da Brandt do Brasil, empresa líder no mercado agrícola, já presente no mercado paulista há mais de dois anos, levando apoio técnico e comercial para os agricultores
 
A cana de açúcar é a mais importante riqueza agroindustrial do Brasil e, durante muito tempo, foi a base da economia colonial. Hoje, o país destaca-se em larga escala com a produção de açúcar e de etanol, o principal biocombustível da frota de veículos. “Fatores climáticos e disponibilidade hídrica são os elementos que mais influenciam à produção de cana, e o que torna o Brasil o maior produtor de cana mundial, com 660 milhões de toneladas, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A cana de açúcar também é a principal atividade agrícola do Estado de São Paulo.
 
Os fornecedores e usineiros de cana têm aderido à rotação de culturas, com investimento em soja e feijão. A prática proporciona muitos benefícios, como: redução dos índices de pragas e doenças, melhor manejo de plantas daninhas, melhoria nas condições do solo e incorporação do nitrogênio obtido por fixação simbiótica. “Talvez a maior vantagem seja de caráter econômico, principalmente quando se trata do amendoim, que nos últimos anos tem superado em rentabilidade outras culturas, que servem para a consorciação”, informa Antonio Coutinho.
 
O diretor técnico e marketing da Brandt do Brasil explica que um dos desafios dos produtores de amendoim é fazer com que suas lavouras tenham boa produtividade em áreas de solos que ainda contém fortes resíduos dos herbicidas remanescentes da cultura da cana de açúcar. Baixas produtividades das áreas plantadas com amendoim são, em geral, atribuídas ao estresse causado pelos resíduos dos herbicidas.  “A Brandt do Brasil contribui usando a experiência obtida nos Estados Unidos. Recomendamos um programa de adubação foliar para o amendoim, que reduz os efeitos nocivos dos resíduos de herbicidas”, esclarece Antonio Coutinho.  “A Brandt é uma empresa inovadora, que oferece soluções que vão além dos seus produtos. Nossa prioridade é estar ao lado do agricultor, priorizando o bom atendimento, apoio e capacitação. Somos parceiros dos produtores e trabalhamos para ajudá-los em todas as etapas: do plantio à colheita”.