Rota Tecnológica:

A empresa Maximus Fertilizantes, que pertence ao grupo Fertiláqua, realiza nos próximos dias 12 e 13 de dezembro a II Rota Tecnológica no Paraguai, em parceria com a distribuidora Marangatu Insumos Agrícolas. O evento contará com a presença de mais 50 participantes – entre produtores, revendedores, representantes, agrônomos e técnicos – que visitarão propriedades rurais em mais de 300 km. 
O objetivo da Rota Tecnológica é apresentar os resultados obtidos com as diferentes tecnologias do Programa Construindo Plantas (PCP 360). “Tecnologias essas que permitem minimizar o impacto da degradação do solo, auxiliando no processo de conservação e revitalização do solo e também no uso de sementes de alta qualidade, que geram plantas de elevado potencial produtivo, permitindo o acesso aos avanços genéticos para aumento de produtividade”, destaca Odair José dos Santos, representante técnico de vendas da Maximus.
A abertura do evento vai acontecer na sementeira Agro Santa Rosa, em Hernandarias, no dia 12 de dezembro pela parte da manhã, com a apresentação do Projeto da Fertiláqua “Sementes de Verdade”.Na parte da tarde, a apresentação será do professor Telmo Amado, professor Doutor de Solos titular da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), que irá palestrar sobre a importância da revitalização do solo, na cidade de Mbaracayú. 
No dia 13 de dezembro, continuam as visitas nas propriedades rurais, nas cidades de Mariscal Francisco Solano López, Santa Fe del Paraná e Mbaracayú. “O Paraguai é um país que está em pleno avanço tecnológico. O trabalho foi iniciado em 2016 e já apresenta um crescimento nos resultados. O país tem buscado melhorias constantes em cuidados com solos, sementes e aumentos de produtividades, por isso a necessidade de fazermos um evento de conhecimento e tecnologia”, explica Santos.