Prefeitura Rio Brilhante (MS) e Biosev idealizam termo de cooperação para revitalização de estradas

Iniciativa foi proposta pelo Vereador Adãozinho e amplamente deliberada pelo prefeito Lucas Foroni

 

 

Na última terça-feira 19, o prefeito de Rio Brilhante Lucas Centenaro Foroni esteve reunido com representantes da Biosev Bionergia – Unidade de Rio Brilhante, Leandro Duarte (gerente agrícola) e Eder Vieira (supervisor agrícola), oportunidade em que iniciaram as tratativas para que seja colocado em prática um termo de cooperação mútua (parceria) para a recuperação e manutenção das estradas rurais e suas respectivas pontes que se encontram sem condições normais de trafegabilidade em função das fortes chuvas que assolam a região, dentre elas, a ponte do Assentamento lago Azul e necessidade das ações de cascalhamento e patrolamento da estrada MS de Acesso ao Assentamento São Judas e Fortuna.

 

 

O encontro foi intermediado pelo Vereador Adãozinho, que estando no seu segundo mandato eletivo, tem legislado em prol das comunidades rurais e Agricultura Familiar. “Sabemos que o município tem uma demanda extensa de serviços e às vezes, o maquinário próprio não consegue atender todas as necessidades, razões estas que procuramos esta parceria com o prefeito Lucas, que prontamente já assinalou receptivo a celebrarmos um termo de cooperação”, disse o vereador.

 

 

No contexto geral, a parceria entre a Prefeitura de Rio Brilhante e a Biosev é importante porque as responsabilidades serão dividas e proporcionarão a diminuição dos custos e, consequentemente, a economicidade aos cofres públicos num momento em que o Executivo já está determinando as respectivas licitações para a compra de novos caminhões e equipamentos como patrolas e retroescavadeiras.

 

 

“O avante Rio Brilhante nunca foi apenas um slogan de campanha, é uma determinação de trabalho. Tenho certeza que formalizaremos um plano de recuperação emergencial das nossas estradas rurais para garantir a segurança necessária a toda trafegabilidade e escoamento da produção agrícola”, disse Lucas.

 

 

Assessoria de Comunicação PMRB