Na Tecnoagro, Verruck destaca ações do Governo, novos investimentos e a MP do Agro.

 

 

Jaime Verruck

Na abertura da Tecnoagro – um dos maiores eventos de demonstração de tecnologias para a agropecuária de MS –  o Secretário Jaime Verruck destacou a importância da pesquisa e do investimento de recursos do Estado para a identificação de situações pontuais em cada um dos municípios, em cada uma das regiões, e a busca constante de soluções através da tecnologia e inovação, demonstrados de forma tão organizada, como acontece em Chapadão do Sul, através do trabalho da Fundação Chapadão.

Ao representar o Governador Reinaldo Azambuja, Jaime observou que o Agronegócio passa por um grande momento de desenvolvimento tecnológico, comercialização e, ao citar ações do Governo do Estado na área de infraestrutura fez um resumo sobre ferrovias, hidrovia, Rota Bioceânica, e o anuncio do pacote de obras que prevê pavimentação e construção de pontes, revisão de concessões de rodovias e muitas outras importantes obras e ações para os 79 municípios.

Sobre a deficiência de conectividade no agro, Jaime comentou que foi dado início ao projeto ‘MS Digital’ que prevê ligar os 79 municípios com fibra ótica. “Para isso estamos realizando um estudo, junto as operadoras de telefonia, para identificar os pontos onde não há torre e poder agir com precisão para sanar essa demanda”.  Completou.

Jaime repassou os cumprimentos da Ministra Tereza Cristina aos organizadores e participantes da Tecnoagro, ao mesmo tempo em que comentou a aprovação da MP do Agro que, segundo ele, significa a conquista de um avanço substancial quando trata de novas linhas de financiamento e traz grandes ações de desburocratização.

A MP vai possibilitar que os sistemas cooperativos de crédito possam operar o FCO em Mato Grosso do Sul e as cooperativas Sicredi e Sicob, já cadastradas terão este ano mais de quatrocentos milhões disponíveis.

Para finalizar, Jaime falou de novos investimentos no setor produtivo citando primeiramente o milho: “No ano passado tivemos recorde de safra de milho e, quando conseguimos chegar nessa produção uma série de outros atores do setor começam a olhar Mato Grosso do Sul diferente. Esses números abriram caminhos e provavelmente, nos próximos dias, sejam anunciados grandes investimentos na área de etanol de milho”. E em seguida falando sobre a soja: “Temos monitorado a produção de soja no Estado, junto com a Aprosoja/MS e Famasul, através do nosso sistema SIGA, e podemos afirmar que teremos um recorde de safra, que passará dos 10,5 milhões de toneladas. Tudo isso se deve as novas tecnologias, a expansão de novas áreas e investimentos, além da parceria do Governo do Estado com os produtores rurais”.

Participaram do evento: o Prefeito João Carlos Krug, o Presidente da Fundação Chapadão Ilton Henrichsen, o Presidente da Aprosoja André Dobashi, representante da Famasul Frederico Stela, o Superintendente do Senar Lucas Galvan, Presidente do Sindicato Rural de Chapadão do Sul Roberto Gonçalves de Andrade Filho, Presidente da Associação Sul-mato-grossense de produtores de algodão Walter Schlatter, produtores e lideranças locais.

 

 

Tecnoagro 2020

A Tecnoagro está em sua 23ª edição e é realizada pela Fundação Chapadão. Este ano, o evento acontece de 11 a 13 de março. Em 2019, 4 mil pessoas visitaram os estandes da feira, que, em 2020, conta com cerca de 60 expositores. O evento conta com o apoio da Fundems (Fundo para o Desenvolvimento das Culturas de Milho e Soja), por meio da Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), da Associação dos Produtores de Soja de MS (Aprosoja MS), da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS), Sebrae, APDC (Associação do Plantio Direto no Cerrado), Febrapdp (Federação Brasileira de Plantio Direto na Palha), tem o apoio das Prefeituras Municipais de Chapadão do Sul, Chapadão do Céu (GO), Paraíso das Águas, e Alcinópolis, da Câmara de Vereadores do município e dos Sindicatos Rurais de Chapadão do Sul e de Chapadão do Céu.

 

 

Kelly Ventorim Semagro