CTG Brasil firma parceria com o SENAI para produção de álcool gel e líquido no combate ao coronavírus.

Produção de 18 mil litros será destinada à prevenção da Covid-19 nas usinas administradas pela empresa e doada a instituições próximas às hidrelétricas de Jupiá e Ilha Solteira.

 

 

A CTG Brasil, umas das líderes em geração de energia limpa no País, estabeleceu uma parceria com o Instituto Senai de Inovação em Biomassa (ISI Biomassa) para a produção de 18 mil litros de álcool 70° GL gel e líquido ao longo dos próximos três meses. O produto, eficaz na prevenção do contágio pelo novo coronavírus, será utilizado na assepsia das usinas hidrelétricas administradas pela CTG Brasil e doado a entidades de regiões próximas às hidrelétricas Jupiá e Ilha Solteira, como a Sociedade Beneficente do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, de Três Lagoas, e Associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus, de Ilha Solteira.

 

 



“Essa parceria vem se somar a outros esforços que a CTG Brasil tem empregado para colaborar com a preservação da saúde de seus colaboradores e da comunidade diante deste momento crítico que todos estamos enfrentando. O ISI Biomassa é um reconhecido centro de excelência em pesquisa e inovação e um parceiro importante que temos para esse combate”, afirmou o diretor de meio ambiente, saúde e segurança da CTG Brasil, Aljan Machado.

 

 



A diretora do ISI Biomassa, Carolina Maria Machado de Carvalho Andrade, explicou que a parceria consiste na produção do álcool 70° GL a partir do etanol proveniente de uma usina sucroalcooleira do Mato Grosso do Sul e na busca de novas formulações para o álcool gel. “Atualmente, o carbopol, espessante utilizado na produção de álcool gel, encontra-se em falta, então nossa pesquisa busca encontrar novos polimerizantes para produzirmos álcool gel”, detalhou.

 

 



Para Carolina, a parceria entre setores públicos e privados é fundamental diante da pandemia que o mundo inteiro enfrenta. “Acredito que o mundo todo está unido em busca de alternativas e soluções para melhorar as condições de vida da população no combate a essa pandemia. Vamos fazer novos projetos com o Departamento Nacional do Senai, envolvendo a capacidade da instituição de trabalhar em rede, todos com um objetivo em comum, o combate à Covid-19”, finalizou.

 

 



Parceria de longo prazo

 

 



A ação reforça o compromisso recentemente anunciado entre a CTG Brasil e toda a rede de institutos SENAI de inovação para implantação de uma plataforma nacional de cooperação técnica e científica de longo prazo. Segundo o diretor-regional do Senai, Rodolpho Caesar Mangialardo, o ISI Biomassa e a CTG Brasil já têm um bom histórico de relacionamento e a união de esforços nesse momento é ainda mais importante.

 

 

“Iniciamos em julho de 2019 um projeto com a CTG Brasil para produzir bio-óleo a partir das macrófitas presentes nos reservatórios das usinas e agora fomos procurados novamente pela empresa para realizarmos essa produção de álcool. Estamos satisfeitos por mais um projeto em parceria com a CTG Brasil, principalmente agora, quando todos os esforços para o combate à Covid-19 são fundamentais”, afirmou.