Atvos lança calculadora para consumidores medirem a quantidade de gás carbônico que deixaram de emitir ao usar o etanol

 

 

Campanha ‘Etanol que Renova’ incentiva pessoas a abastecerem com combustível menos poluente e contribuir para melhorar a qualidade do ar das cidades

 

 

Por meio de uma calculadora online desenvolvida pela Atvos, consumidores podem medir a quantidade de gases de efeito estufa que deixou de ser lançada na atmosfera ao abastecerem com etanol. A ferramenta faz parte da campanha “Etanol que Renova”, criada para conscientizar as pessoas sobre os benefícios ambientais de utilizar combustíveis limpos, e pode ser acessada pelo site etanolquerenova.com.br .

 

 

“Basta informar quantos litros de etanol foram usados e a calculadora afere o equivalente em árvores. Esperamos, assim, sensibilizar as pessoas a adotar hábitos de consumo de baixo carbono”, explica Genésio Lemos Couto, diretor de comunicação da Atvos, empresa que atualmente é a segunda maior produtora de etanol do Brasil.

Atualmente, 61% da frota brasileira é flex, o que representa 29 milhões de veículos em circulação, segundo levantamento do Sindipeças (Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores). Com 57% usando gasolina, são quase 4 bilhões de gás carbônico lançados na atmosfera. Se toda a frota flex fosse abastecida com etanol, esse volume cairia 62%.

 

 

Isso porque o etanol produzido a partir da cana-de-açúcar emite 89% menos gases causadores do efeito estufa comparado com a gasolina, além de capturar na sua produção gases nocivos à atmosfera. O Estado de São Paulo registrou, em 2019, a menor emissão de dióxido de carbono por habitante* em vinte anos o que está associado ao recorde de consumo de etanol no período, segundo dados da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente de São Paulo.