Atvos inclui homens em diálogo sobre equidade de gênero.

Empresa promove encontros em parceria com o Instituto PdH nas cidades onde atua. Programação do Mês das Mulheres traz ainda cursos gratuitos de capacitação profissional exclusivos para mulheres.

 

 

Empenhada em contribuir com a transformação nas comunidades onde atua, a Atvos, uma das maiores produtoras de etanol do país, mobiliza a população para debater sobre o papel dos homens na busca pela equidade de gênero. O ciclo de encontros acontece durante o mês de março em Goiás, Mato Grosso do Sul e São Paulo, em parceria com o Instituto PdH, frente de pesquisa do PapodeHomem dedicada à transformação das masculinidades e florescimento humano.

 

 

Guilherme Nascimento, co-fundador do PapodeHomem e membro do Comitê ElesPorElas, da ONU Mulheres, explica como a maneira histórica dos homens existirem e estarem no mundo tem causado danos para os próprios homens e para as mulheres. “É tempo de mudar. Uma pesquisa feita com 20 mil entrevistados nos mostrou que 7 em cada 10 homens não falam sobre seus medos e dúvidas. Esse silêncio está na raiz de vários outros problemas como violência doméstica, assédio e ausência de mulheres em posições de poder na política e na economia”.

 

 

Depoimentos sobre esse fenômeno e como afeta a vida das pessoas na prática estão retratados no documentário “O silêncio dos homens”, produzido pelo Instituto PdH com o apoio institucional da ONU Mulheres. No mês das mulheres, a Atvos está promovendo sessões para apresentar o material a adolescentes e jovens. O documentário pode ser assistido pelo YouTube (PapodeHomem).

 

 

“Um de nossos objetivos é ampliar a presença das mulheres no setor sucroenergético. Para isso, além de criar oportunidades, é fundamental reforçar em todos os ambientes que a diversidade de gênero traz ganhos para todos. Homens e mulheres atuando juntos são capazes de potencializar os resultados dos negócios e impactar positivamente o clima nas empresas e comunidades”, destaca Mônica Alcântara, gerente de sustentabilidade da Atvos.

 

 

Com esse propósito, a Atvos está realizando cursos gratuitos de qualificação exclusivos para mulheres nas comunidades, certificando-as em atividades como operação de máquinas agrícolas, função atualmente exercida majoritariamente por homens. Uma turma de 25 formandas foi concluída em Nova Alvorada do Sul (MS) e estão previstas novas turmas em Teodoro Sampaio (SP) e Deodápolis (MS). Promover a educação e a formação profissional de mulheres é um dos Princípios de Empoderamento das Mulheres da ONU, iniciativa a qual a Atvos é signatária. Desde 2016, a empresa faz parte do Pacto Global, reforçando seu compromisso em contribuir concretamente com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 5 – Igualdade de Gênero.

 

 

Link para assistir ao documentáriohttp://bit.ly/2W29PCo

 

 

Como participar do PapodeHomem com Guilherme Nascimento:

Os encontros são gratuitos e, para participar, basta comparecer ao evento. Não é necessário fazer inscrição prévia.

 

 

Cidade: Teodoro Sampaio – SP
Dia: 18/03
Horário: 19h
Local: Câmara de Teodoro Sampaio – Avenida Coronel Pires, 2147

 

 

 

Cidade: Caçu – GO
Dia: 23/03
Horário: 19h
Local: Feira Coberta de Caçu – Rua João Batista Gama s/n, Centro. Caçu – Goiás

 

 

Cidade: Mineiros – GO
Dia: 24/03
Horário: 19h
Local: Auditório UNIFIMES – R. 22, 356 – St. Aeroporto

 

 

Cidade: Costa Rica – MS
Dia: 25/03
Horário: 19h
Local: Centro de Convivência do Idoso (Conviver) – Rua João Raimundo Justino, 396

 

 

Cidade: Glória de Dourados – MS
Dia: 31/03
Horário: 19h
Local: Anfiteatro da UEMS – Rua Rogério Luis Rodrigues, s/n

 

 

Sobre a Atvos
Empresa de bioenergia que atua desde 2007 na produção de etanol, açúcar VHP e energia elétrica produzidos a partir da biomassa de cana-de-açúcar. Com mais de 10 mil funcionários e presente em cinco polos produtivos localizados nos estados de São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás, a empresa tem capacidade para produzir 3 bilhões de litros de etanol, 700 mil toneladas de açúcar VHP e 3,1 mil GWh de energia elétrica a partir da biomassa da cana-de-açúcar. Saiba mais em: http://www.atvos.com

 

 

Sobre o Instituto PdH
Criado em 2006, o Instituto PdH é a frente de pesquisa do PapodeHomem e aborda temas importantes para a sociedade, apostando no poder do conhecimento e do debate para estimular o pensamento crítico. O PapodeHomem tem sua origem em um portal com mais de 2 milhões de visitantes ao mês. Seu principal objetivo é ser um espaço para cultivar uma visão de mundo mais ampla, desafiando preconceitos. Saiba mais em: papodehomem.com.br