Agricultura sustentável:

Há 20 anos, a FMC Agricultural Solutions reúne profissionais do setor sucroenergético no Clube da Cana, evento que tem como objetivo discutir e compartilhar assuntos que impactem o rendimento e a produtividade da cana-de-açúcar. Produtores, representantes de usinas, entidades do segmento e especialistas renomados estão reunidos entre os dias 16 e 19 de novembro, no Guarujá-SP.
 
A programação do encontro conta com um painel sobre os “Impactos político-econômicos no setor da cana para os próximos anos”, com palestras sobre aspectos macroeconômicos, tendências do setor sucroenergético, o futuro da FMC em cana-de-açúcar, Stone e aspectos analíticos de sua formulação, a evolução dos herbicidas, controle dos nematoides para maximizar a produtividade, a concretização do manejo integrado de nematoides e o presente e o futuro do manejo da Broca da cana-de-açúcar.
 
O segundo painel irá abordar “Serviços e soluções focados no seu negócio”, com a apresentação do programa Prima Classe, Smart Calda – Um conceito para a agricultura sustentável, Innovation Center e a divulgação de cases de sucesso. Além disso, haverá mesas redondas para que os participantes troquem experiências e tirem dúvidas sobre os assuntos discutidos.
 
A atualização sobre esses assuntos irá auxiliar os produtores a concretizar as previsões de que a safra 2018/19 de cana no centro-sul do Brasil, com início em abril do próximo ano, totalize 591 milhões de toneladas, alta de 0,85% na comparação com 2017/18. Em relação aos produtos, a previsão é de 35,52 milhões de toneladas de açúcar e de 24,6 bilhões de litros de etanol (alta de 2%).
 
As palestras serão ministradas por especialistas da FMC e profissionais como, o representante da Fundação Dom Cabral, Paulo Vicente; o Presidente da Abag, Luiz Carlos Carvalho; o Presidente do Fórum Sucroenergético, André Rocha; o Diretor Técnico da ÚNICA, Antônio de Pádua Rodrigues; o Presidente da ORPLANA, Eduardo Vasconcellos Romão; o Professor da ESALQ/USP, Pedro Christoffoleti; o representante da AgroAnalítica, Weber Valério;  o representante do IAC, Leila Dinardo Miranda;  e o representante do Global Cana, José Francisco Garcia.
 
De acordo com o Vice-Presidente da FMC América Latina, Ronaldo Pereira, o Clube da Cana é um dos eventos mais tradicionais do setor e acredita que os desafios estão mudando e a companhia está atenta para acompanhá-los. “Nosso foco é aumentar a produtividade com sustentabilidade, para isso é necessário investir em renovação dos canaviais, expandir as tecnologias, melhorar produtividade e reduzir o custo. Ganhos na produtividade ocorrem a partir de novas tecnologias e em melhorias na operação”, comenta.